Lula diz que não aceitará usar tornozeleira eletrônica

O ex-presidente Lula afirmou a seus advogados que não aceitará usar tornozeleira eletrônica caso seja liberado para cumprir a pena no regime semiaberto.

De acordo com a jornalista Mônica Bergamo, da Folha, Lula disse “que não é pombo-correio” para usar o dispositivo, informa o MSN.

Na última terça-feira (4), o MPF (Ministério Público Federal) emitiu ao Superior Tribunal de Justiça parecer afirmando que o ex-presidente tem direito ao regime semiaberto.

A decisão, porém, ainda não é vista como certa. Já que o STJ pode passar a análise do pleito para a juíza Carolina Lebbos, da execução penal em Curitiba. Ela tem recusado pedidos feitos por Lula.

06/06/2019