Dor de garganta – Qual a causa da sua?

Qualquer que seja a causa, uma dor de garganta pode ser desagradável, particularmente se você precisa usar muito a sua voz. Felizmente, este mal responde muito bem aos tratamentos naturais: eles não apenas aliviam a dor e o desconforto, mas também reduzem a inflamação da garganta.

O que é

Ela já foi descrita como uma sensação de que está arranhando, de coceira, ou até mesmo de queimação. Entretanto, uma dor de garganta é exatamente o que indica o nome – uma sensação dolorosa que começa na parte posterior da boca e estende-se até o meio da garganta. Geralmente causada por inflamação, tal dor não é uma doença, mas um sintoma. Quando há infecção ou irritação da garganta, o corpo responde enviando mais sangue para a área. O sangue leva leucócitos e outras substâncias para combater a infecção – e estes, de fato, causam a vermelhidão, o inchaço e a dor na garganta, revela o MSN.

SINTOMAS

– Dor ou queimação na garganta e algumas vezes nos ouvidos; vermelhidão.

– Dificuldade para engolir.

– Sensação de uma massa na garganta.

– Rouquidão.

– Glândulas linfáticas inchadas sob a mandíbula.

Se a dor de garganta for forte e começar subitamente, você pode estar com uma infecção por estreptococos.

Causas

Alergias, infecções bacterianas ou virais, e agentes ambientais deflagradores (poeira, baixa umidade, fumaça) são as causas mais comuns de dor de garganta. No caso de uma alergia ou infecção viral, essa dor frequentemente resulta de gotejamento pós-nasal, drenagem do excesso de muco do nariz ou dos seios da face para a região posterior da garganta. Além disso, os vírus que causam gripes em geral atacam o tecido da garganta.

Uma dor de garganta viral costuma desenvolver-se lentamente no decorrer de alguns dias. Persiste por mais tempo, porém é mais leve que uma infecção bacteriana (como a causada por estreptococos), que com frequência surge subitamente – algumas vezes em questão de horas – produzindo dor de garganta forte, dificuldade para engolir e febre.

Como os suplementos podem ajudar

Os remédios aqui apresentados fortalecerão seu sistema imunológico, ajudarão a desinflamar o tecido da garganta e aliviarão a dor. Exceto se houver observação contrária, use-os combinados enquanto persistirem seus sintomas.

Esses suplementos podem ser tomados ao mesmo tempo que os medicamentos usados por conta própria ou prescritos pelo médico para gripes ou alergias ou os antibióticos prescritos na infecção estreptocócica da garganta. A vitamina C ajuda o organismo a combater as infecções respiratórias que frequentemente causam dor de garganta. Como um anti-histamínico natural, também pode reduzir as substâncias inflamatórias que o organismo de pessoas alérgicas produz. A vitamina A acelera o processo de restauração de mucosas, como as da garganta.

A equinácea e o alho possuem propriedades antivirais e antibacterianas; comece a tomá-los ao primeiro sinal de irritação da garganta. Além disso, experimente chupar pastilhas de zinco para ajudar a evitar a dor de garganta causada por uma gripe; estudos mostram que elas podem reduzir a duração da doença. Se você não gostar do sabor do zinco ou não estiver gripado, beba um chá de olmo-americano ou raiz de alteia, plantas que recobrem a garganta, facilitando a deglutição e aliviando a dor.

O olmo-americano também contém substâncias conhecidas como oligômeros procianidólicos (PCO), que combatem a infecção e as reações alérgicas. Para aumentar a imunidade, acrescente algumas gotas de tintura de hidraste ao seu chá – ele é particularmente eficaz contra infecções bacterianas porque contém berberina, um composto antibacteriano. Se você também estiver congestionado, pode acrescentar alcaçuz (na forma de planta desidratada ou de tintura), mas não o tome se tiver pressão alta.

O que mais você pode fazer

– Use um umidificador ou vaporizador frio para manter a garganta lubrificada.

– Não fume e afaste-se de ambientes cheios de fumaça.

– Beba oito ou mais copos de líquido por dia. Líquidos quentes, como sopa ou chá, podem ser particularmente úteis.

12/04/2019